Apesar de ter sido reconhecida há pouco, a profissão em Biomedicina Estética tem conquistado grande espaço no Brasil. Recentemente, foi considerada como referência Internacional pela revista Exame, da editora Abril.
Este título foi conquistado por reconhecimento aos profissionais que atuam na área não só por colegas da Saúde como também pela vasta clientela que os biomédicos estetas atendem em seus consultórios, atingindo excelência em resultados nos procedimentos estéticos, devido sua alta capacidade profissional para desempenhar a função.
Diferente do dermatologista, que atua não só na estética mas na cura de doenças da pele, os biomédicos estetas são mais preparados para o cuidado do paciente, claro, desde que munido da especialização na área.
Desde a graduação o biomédico é munido de conhecimento, experiência e muito estudo na área. Este profissional possui amplo conhecimento de anatomia, fisiologia, imunologia, biofísica, patologia e bioquímica que, aliadas ao conhecimento e especialização no processo de envelhecimento cutâneo e disfunções estéticas corporais e faciais, torna-o extremamente capacitado para atuar com procedimentos invasivos-não cirúrgicos.
História da Biomedicina Estética no Brasil
Em 22 de fevereiro de 2011 foi publicada a Resolução da Biomedicina Estética, a nova habilitação biomédica. O projeto inicial foi de conscientização da classe sobre a capacidade do Biomédico em atuar na Saúde Estética. Este projeto foi apresentado na Plenária do Conselho Federal de Biomedicina pela Drª. Ana Carolina Puga, em Recife-PE, em 10 de outubro de 2010, sendo votado e aprovado por unanimidade pelos membros do CFBM e CRBMs.
Oeste projeto, denominado de “Biomedicina Estética” teve por objetivo a conscientização da classe sobre a possibilidade da inserção dos biomédicos no exercício de procedimentos estéticos de todas as naturezas, exceto cirúrgicos, bem como a sua inclusão neste mercado de trabalho em expansão.
Hoje, a atuação do biomédico na estética é uma realiadade que, sob a comprovação científica dos métodos e técnicas utilizados, desenvolve e aplica os tratamentos para as disfunções dermato-fisiológicas corporais, faciais e envelhecimento fisiológico relacionados à derme e seus anexos, tecido adiposo e metabolismo.
A Biomedicina Estética cuida da saúde, bem-estar e beleza do paciente, levando os melhores recursos da saúde relacionados à seu conhecimento para o tratamento e recuperação dos tecidos e do organismo, como um todo.
O biomédico possui um preciso entendimento das características da derme e seus anexos, demais tecidos e inclusive o metabolismo, ou seja, todo o funcionamento dermato-fisiológic. Isto possibilita a realização de terapias que promovem uma melhor qualidade de vida ao paciente.
O biomédico saiu dos laboratórios em busca do consultório, partindo de todo o conhecimento generalista, humanista e reflexivo, exercendo de forma profissional, por meio de pesquisas e tratamentos nas disfunções físicas, sem deixar de lado o rigor ético-científico.
Ser referência internacional é apenas um começo de uma bela jornada que estes profissionais têm pela frente.

Drª Ana Carolina Puga – Mestra Stricto-sensu em Ciências da Saúde pela Faculdade de Medicina de Santos (2003);Pós-graduada em Hemoterapia/Hematologia USP-RP (1997); Graduada em Biomedicina pelo Centro Universitário Barão de Mauá (1996);Docente na Faculdade de Medicina de Santos – Santos – SP (2000-2004); Biomédica supervisora no Serviço de Hematologia e Hemoterapia Hemognosis – Santos – SP (1997-2003); atual Presidente da Sociedade Brasileira de Biomedicina Estética, diretora proprietária da Clínica-Escola Dra. Ana Carolina Puga – ACorPoralle Clínica de Biomedicina Estética (2005-atual); diretora e proprietária do Núcleo de Estudos e Treinamento Ana Carolina Puga – NEPUGA (2005-atual); coordenadora da Comissão de Biomedicina Estética do Conselho Regional – CRBM1 (2011); membro da Sociedade Brasileira de Laserterapia e Cirurgia – SBLMC (2010-atual); membro da European Medical Laser Association – EMLA (2010-atual).

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here